segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

ONU diz que 2010 deve ser o ano mais quente da história

O ano de 2010 deve ser o mais quente da história e a década que termina este ano também deve registrar recorde de calor. É o que indica levantamento da Organização Mundial Meteorológica, órgão especializado das Nações Unidas.

Segundo os dados divulgados nesta final de semana, durante a 16ª Conferência do Clima da ONU (COP-16), em Cancún, no México, os registros climáticos registrados até outubro deste ano mostram temperatura 0,55º C acima da média anual mundial de 14º C registrada no período de 1961 a 1990.

Até agora, o ano de 2010 está sendo considerado o mais quente desde 1850, quando o levantamento começou a ser feito. O aumento da temperatura ultrapassou o registrado em 1998, quando foi registrada elevação de 0,53º C entre janeiro e outubro, e 2005, quando foi registrada elevação de 0,52º C. No entanto, o 'ranking' negativo final só poderá ser definido claramente no início do próximo ano, quando será possível analisar os dados dos meses de novembro e dezembro.

Quando se analisa os dados relativos ao período de 2001 a 2010, as temperaturas mundiais superam em 0,46º C a média anual calculada entre os anos de 1961 e 1990. Entre os fenômenos climáticos registrados em algumas regiões do planeta, a organização cita a seca no Amazonas. "Os meses de julho a setembro foram tão secos no noroeste do Brasil que o Rio Negro, o maior afluente do Amazonas, desceu a um nível jamais registrado", diz o relatório.

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel:9977-6454

Nenhum comentário:

Postar um comentário