sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Parlamentares que saem em janeiro planejam carreira fora do Senado

SENADORES

A maioria dos senadores que esvaziam seus gabinetes no Senado Federal até 31 de janeiro continuará atuando na política, ainda que não tenha mais mandato. São parlamentares que tentaram a reeleição, mas não venceram, ou se candidataram a outros cargos, como a senadora Marina Silva (PV-AC), que concorreu à Presidência da República, ou, ainda, não se candidataram a nenhum cargo eletivo.

Concorreram ao Senado, mas não se elegeram os senadores Arthur Virgílio (PSDB-AM), Marco Maciel (DEM-PE), Tasso Jereissati (PSDB-CE), Heráclito Fortes (DEM-PI), Mão Santa (PSC-PI), Efraim Morais (DEM-PB), Fátima Cleide (PT-RO), Jefferson Praia (PDT-AM) e Papaléo Paes (PSDB-AP). Também se candidatou ao Senado e não foi eleito o ex-senador Romeu Tuma (PTB-SP), falecido no final de outubro, que não pôde fazer campanha devido ao seu estado de saúde.

Efraim Morais (DEM-PB) assumirá em 1º de fevereiro a Secretaria de Infraestrutura da Paraíba. Já o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) voltará às atividades empresariais nas áreas de shopping center, comunicação e bebidas no Ceará. Segundo a assessoria do senador, Tasso também se dedicará, com José Serra e Fernando Henrique Cardoso, à elaboração do novo programa do PSDB.

Outros senadores continuarão no Congresso, mas na Câmara: o senador Almeida Lima (PMDB-SE) foi eleito deputado federal por Sergipe; Eduardo Azeredo (PSDB-MG) por Minas Gerais; e Sérgio Guerra (PSDB-PE), por Pernambuco. Também se candidataram à Câmara dos Deputados, mas não se elegeram, os senadores Adelmir Santana (DEM-DF), Leomar Quintanilha (PMDB-TO) e Serys Slhessarenko (PT-MT).

Também com mandatos até o fim de janeiro, Ideli Salvatti (PT-SC) foi nomeada ministra da Pesca e Aquicultura; Flávio Arns (PSDB-PR) virou vice- governador do Paraná; e Patrícia Saboya (PDT-CE) foi eleita deputada estadual no Ceará.

Fonte: Agência Senado


Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel:9977-6454
MSN:
noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário