segunda-feira, 28 de março de 2011

Empresa aérea estreia no Brasil com tarifas de até R$ 28 mil


Empresa irá operar a rota com Boeings 777-300ER

Empresa irá operar a rota com Boeings 777-300ER
Foto: Divulgação


A Singapore Airlines estreia voos para o Brasil nesta segunda-feira. A companhia aerea oferecerá rotas para a Europa, Ásia e Oceania com Boeings 777-300ER. As tarifas vão de US$ 777 para a Europa em classe econômica a até US$ 17.250 (cerca de 28 mil) para voos em 1ª classe para a Austrália.

Segundo o executivo de relações públicas da Singapore Airlines, Gabriel Png, a empresa vinha buscando oportunidades na América do Sul já há algum tempo. "O Brasil é uma potência econômica e política na América do Sul e foi uma inclusão bastante atrativa à nossa malha aérea", afirma Png."Há um aumento de demanda por transporte aéreo na América do Sul e o crescimento do Brasil tem expandido o mercado consumidor para viagens nas classes superiores - tanto para passageiros de negócios quanto para turistas. O fato de o Brasil estar sediando a Copa do Mundo em 2014 e a Olimpíada em 2016 nos leva a crer que haverá um crescimento da demanda por viagens à região. O Brasil terá papel central em nosso plano de negócios em 2011", explica o executivo.A empresa, que possui 108 aeronaves e opera cerca de 1 mil voos semanais para 100 destinos, em 39 países e seis continentes, transportou 16,5 milhões de passageiros entre 2009 e 2010. A empresa não revela o total de investimentos realizados para lançar a rota para São Paulo nem qual a expectativa inicial de ocupação dos voos.A empresa inicialmente irá operar três frequências semanais, partindo do aeroporto internacional de Cumbica à 1h45 de terças, sextas e domingos rumo a Barcelona, na Espanha, onde aterriza no mesmo dia às 17h35 locais. A partir de Barcelona, passageiros podem pegar voos de conexão para outros destinos espanhóis com a companhia Spanair, que é parceira codeshare (código compartilhado, no qual uma empresa aérea coloca seu próprio número de voo e vende assentos em aeronaves operadas por outras companhias) da Singapore na rota partindo de São Paulo. O aeroporto espanhol também servirá como ponto de conexão para outros aeroportos europeus através de voos operados por companhias da StarAlliance, aliança da qual além da Singapore, fazem parte mais de 20 outras aéreas, dentre elas a brasileira TAM.Passageiros com destino a Ásia permanecerão em solo espanhol por pouco mais de uma hora, tempo necessário para o reabastecimento da aeronave. O voo prossegue de Barcelona às 18h45 locais, chegando em Cingapura às 13h35 do dia seguinte. O percurso completo entre Brasil e Ásia leva 24h50. No retorno, os voos partem de Cingapura à 0h45 de segundas, quintas e sábados, chegando a Barcelona às 8h15, de onde o voo decola às 9h40 rumo a São Paulo, aterrizando em Guarulhos às 15h55 locais, após 26h15 de viagem - ainda no mesmo dia da partida, graças à diferença horária entre a Ásia e o Brasil.Os voos serão operados em aeronaves Boeing 777-300ER, um dos aviões com maior autonomia de voo da atualidade. Equipado com novas cabines, o 777-300ER tem capacidade para 278 passageiros divididos em três classes de serviço. A380
A Singapore foi a primeira companhia aérea a operar o Airbus A380, o maior avião comercial do mundo. Estrelas na frota da empresa, as aeronaves desse modelo têm sido utilizadas nas rotas da Singapore para Londres, Paris, Zurique, Hong Kong, Tóquio, Melbourne e Sydney. Por enquanto não há planos de utilizar este modelo de avião nos voos para São Paulo. "Como São Paulo é um novo destino temos que primeiramente monitorar o desempenho que teremos na rota antes de nos comprometermos com a capacidade de passageiros oferecida pelo A380. Geralmente usamos este modelo de aeronave em rotas de alta demanda e longo curso, onde o congestionamento de portões e slots (autorizações de pouso e decolagem) torna difícil que adicionemos mais voos", explica Gabriel Png.Tarifas
A Singapore oferecerá, na classe econômica, a partir de São Paulo, voos de ida e volta para Barcelona a partir de US$ 777. Para pontos no sudeste asiático, como Cingapura ou Bangkok, o preço mínimo é de US$ 1.400 e para a Austrália as passagens custam a partir de US$ 1.600.Na classe executiva o bilhete para Barcelona sai a partir de US$ 2.800, enquanto voos para a Ásia custam no mínimo US$ 5.600.A extravagância da primeira classe está disponível por a partir de US$ 9.500 para a Europa, US$ 11.200 para a Ásia e US$ 17.250 nos voos para a Austrália.Passageiros membros do programa Fidelidade da TAM podem pontuar nos voos da Singapore dependendo da rota e tarifa escolhida.

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8854
MSN:
noticiaefatos@gmail.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário