sábado, 26 de março de 2011

JORGE DE TAL

A imprensa acreana há tempos tocou os pés no fundo do poço.

Para agradar aos que estão no poder vale qualquer coisa.

Jorge Viana negou que respondesse a qualquer processo e nenhum dos jornalistas presentes ao boca livre oferecido por ele se deu ao trabalho de navegar no site do STF para checar se sua informação era verdadeira ou não.

Clique aqui para comprovar a tramitação do processo para investigar crime contra a Lei das Licitações, no qual JNVMN, as letras iniciais de Jorge Ney Viana Macedo das Neves, figura como réu.

Leia mais no Blog do Altino.

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8854
MSN:
noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário