sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Dia Mundial da osteoporose: atendimentos e orientações à população

A data serve para conscientização sobre as formas de combate a doença que atinge principalmente as mulheres a partir dos 40 anos

Até as 13 horas desta quinta-feira (20), a secretaria estadual de Saúde, oferece atendimento gratuito no bairro São Francisco. As atividades estão sendo desenvolvidas no CEJA e são voltadas para o diagnóstico e tratamento da Osteoporose.

A atividade é uma parceria entre governo, prefeitura, por meio das secretarias de Saúde e iniciativa privada, representada pelo Centro de Diagnóstico por Imagem (CEDIAC).

A osteoporose é uma doença caracterizada pela diminuição da massa óssea, com consequente enfraquecimento e fragilidade do osso com maior possibilidade de fraturas, mesmo após pequenas quedas e traumas. Por não ser uma doença de notificação compulsória (registro que universaliza as notificações, visando o rápido controle de eventos que requerem pronta intervenção), não há no Brasil dados exatos que estimem quantas pessoas são acometidas anualmente, mas sabe-se que a osteoporose atinge principalmente mulheres pós-menopausa, pessoas de pele e olhos claros, idosos, magros, tabagistas e alcoólatras.

De acordo com a técnica municipal de saúde do idoso, Valgerlângela Souza, “estatísticas mostram que uma em cada quatro mulheres, após a menopausa, tem osteoporose e uma em cada cinco mulheres que já teve fratura sofrerá outra fatura, em menos de um ano”.

Assessoria SESACRE

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8857
MSN:
noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário