sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Steve Jobs se arrependeu de ter recusado cirurgia, diz biógrafo

Empresário demorou nove meses para fazer operação de cirurgia de pâncreas

Steve Jobs, o fundador da Apple que morreu no dia 5 deste mês, sofria de câncer de pâncreas desde 2004, mas demorou até se convencer de que teria mesmo de fazer uma cirurgia para tratar a doença, e se arrependeu disso depois.

Walter Isaacson, biógrafo de Steve Jobs, disse em entrevista à rede de TV CBS que, após o diagnóstico da doença, ele demorou nove meses para ser operado. Primeiro ele tentou tratamentos alternativos, como mudanças na dieta e terapias espiritualistas. Isso mesmo com os apelos da família para que ele se submetesse ao tratamento.

Com isso, o câncer, que não era tão grave e crescia de forma mais lenta, se espalhou para tecidos ao redor do órgão. Isaacson diz que Jobs, depois, considerava que poderia ter sido operado antes.

– Ele disse: “Eu não queria que meu corpo fosse aberto, eu não queria ser violado dessa forma”. Ele se arrependeu disso.

O apresentador da CBS questiona o biógrafo sobre como “um homem tão inteligente pode fazer algo tão burro”. Isaacson diz que o empresário tentou ignorar o problema.

– Eu acho que ele sentia que se você desejasse algo, se você não quisesse que algo existisse, você poderia ter um pensamento mágico. Isso havia funcionado para ele antes. Ele se arrependeu disso.

R7

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8857
MSN:
noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário