sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Usuária faz campanha contra nordestinos no Twitter e causa revolta na rede social

Em resposta, usuários organizam campanha #orgulhodesernordestino
Uma usuária da rede social Twitter que se identifica como Sophia Fernandes (@SophiaOfDreams) está gerando polêmica desde a noite desta quinta-feira (8) por comentários feitos contra os Estados da região Nordeste.
- O twitter ta virando vaso sanitário... muita merda twittando. (Oimacacos)-nordestinos-piauienses-cearenses... , saindo aqui, bjs. [sic]
Essa postagem de Sophia teve centenas de retuitadas (quando um usuário reproduz o conteúdo da mensagem para seus amigos). Ela tem mais de 36 mil seguidores.
Sophia insiste em chamar nordestinos de macacos, sujos e pobres. Entre 10h e 11h desta quinta-feira foram 41 novas atualizações em seu perfil, a maioria falando mal dos nordestinos.
Os usuários da rede social reagiram com a hashtag #OrgulhoDeSerNordestino. Uma hashtag no Twitter é uma espécie de selo que cria um link que faz uma busca pelo mesmo termo em mensagens de outros usuários.
Muitos usuários pedem que Sophia seja denunciada à Polícia Federal e ao Ministério Público, mesmo os que não são da região atacada pela usuária. Lorrana Borges, de Goiás, (@Lorrana_Borges)
- Estou "escandalizada" com essa tal de @SophiaOfDreams... Como pode uma pessoa ser tão horrenda e preconceituosa ?! #Orgulhodesernordestino
Na descrição do perfil, a polêmica usuária se descreve como “18 anos, taurina, GRÊMISTA”. Além de conta no Twitter, Sophia tem perfis no Orkut, Formspring, MeAdd e Facebook, onde afirma gostar de sites de humor negro.
 reportagem do R7 pediu um comentário sobre o caso ao Twitter, mas não obteve retorno até o momento em que esta matéria foi publicada. Foi enviado um tuite para Sophia, que não retornou o contato.
Para a vice-presidente da comissão de defesa dos Direitos Humanos da OAB-PR, Isabel Kugler Mendes, Sophia incorre em crime de preconceito. Ela disse lamentar o conteúdo disseminado por Sophia.
– Eu lamento que os nossos jovens hoje tenham esse pensamento, esquecendo que o Brasil é um só. As pessoas têm quase que uma ansiedade de sair do anonimato e de aparecer a qualquer custo. Não se mede as consequências.
Memória
As mensagens de Sophia lembram o caso de Mayara Petruso, que no ano passado foi apontada como autora de uma mensagem que desencadeou uma onda de preconceito contra os nordestinos no Twitter. Ela trabalhava como estagiária de um escritório de advocacia e publicou um comentário no qual responsabilizava a população do Nordeste pela vitória da petista Dilma Rousseff na disputa presidencial.
“Nordestino não é gente, façam um favor a SP, mate um nordestino afogado!”, dizia a mensagem. Em meio à polêmica, os perfis criados em nome da estudante foram excluídos do Twitter e do Facebook.

R7  

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8857
MSN: noticiaefatos@gmail.com   

Nenhum comentário:

Postar um comentário