sábado, 16 de junho de 2012

Festa Junina: Alegria, diversão e segurança .

festa_junina

Neste período de comemorações por todo o país, população deve estar atenta aos riscos de queimaduras.

As festas juninas chegaram e com elas aumenta o número de acidentes por queimaduras em todo o país. No Acre, a maior festa junina do Estado, o Arraial Cultural, entra, este ano, em sua 14ª edição sem nenhum caso de acidente registrado durante as edições do evento, segundo a coordenação.
Contudo, os fogos de artifício e as fogueiras são as principais causas de acidentes no período junino, atingindo principalmente as crianças. Os riscos vão de queimaduras leves a gravíssimas, que podem fazer com que a pessoa perca dedos das mãos ou mesmo os chamados tecidos moles, que são os músculos. O alerta é do Ministério da Saúde.
Para a coordenadora de Prevenção de Violência e Acidentes do MS, Marta Silva, algumas recomendações para se proteger das queimaduras são necessárias.
Em primeiro lugar, alerta ela, deve-se evitar o uso de fogos de artifício e, se por acaso for usar, não deixar que crianças manuseiem. “Então sempre que seja um adulto, não estourar foguetes próximos às residências e sempre utilizando um equipamento de proteção, porque a gente sabe que se você estoura direto na mão, tem um risco de o rojão não sair, ter uma amputação, uma queimadura gravíssima na mão ou inclusive rosto e outras partes”. Informa.
A coordenadora ressalta que a prevenção é fator determinante para se proteger de acidentes no período das festas juninas.
Ela explica o que deve ser feito em casos de acidente. “Se ocorrer uma queimadura deve-se levar imediatamente ao serviço de saúde mais próximo porque somente um profissional irá avaliar a gravidade e a severidade dessa queimadura. Temos queimaduras leves, moderadas e graves e a gente orienta sempre que seja feita essa avaliação. No caso, por exemplo, quando se forma bolhas orienta-se não se furam essas bolhas. Não passar cremes as vezes utilizam várias pomadas inclusive caseiras”. Explica Marta.
Maior arraial do Estado não possui registro de acidentes
A coordenadora do Arraial Cultural, Carla Martins, alega que a preocupação é pertinente, mas afirma que esses cuidados já existem quando se fala no Arraial Cultural. “Em quatorze anos nunca tivemos nenhuma ocorrência.
Uma única vez tivemos um pequeno problema de grupos divergentes, mas foi um fato isolado. Outra vez, uma criança caiu e machucou o joelho, mas nunca tivemos histórico de brigas e a segurança no arraial é pública, mas também há a segurança contratada.
O Arraial cultural é uma festa da família, tanto que nós não colocamos revista, diferentemente do Carnava quando as pessoas ficam com os ânimos mais exaltados”, relata Carla.
A coordenadora destaca que o evento é realizado até por volta de uma hora da manhã. “E uma festa exclusivamente de comida onde o consumo de bebida alcoólica é pequeno. Nós só vendemos cerveja e temos degustação de quentão. Não vendemos nenhum tipo de bebida destilada.” Relata ela.
Cuidados simples podem evitar o pior
Para não estragar a folia durante os festejos juninos e julinos, é essencial tomar alguns cuidados, principalmente com as crianças:
- Só devem ter contato com fogos leves e acompanhadas de pessoas adultas;
- Mesmo os mais velhos precisam observar recomendações, como só soltar foguetes utilizando varas longas, não usar fogos em ambientes fechados e não apontá-los para pessoas ou janelas;
- Muito cuidado também com as fogueiras e jamais realimente o fogo com álcool, pois a garrafa pode explodir;
- Em caso de acidentes, a orientação dos especialistas é colocar a área atingida em água corrente até o alívio da dor, não usar nenhuma pomada ou substância sobre a lesão sem ouvir um médico e procurar imediatamente atendimento especializado.
Fogos de Artifício e Balões merecem atenção especial
- Não permita que seus filhos adquiram fogos de artifício
- Acidentes graves podem acontecer com crianças ou adultos que transportam e utilizam fogos de artifícios de forma irregular.
- Nunca transporte estes artefatos nos bolsos, pois, se eles se inflamarem, você certamente será atingido
- O perigo dos fogos de artifício é indiscutível. Se uma bombinha explodir nas mãos de uma criança ou próximo de seus olhos, poderá causar mutilação ou cegueira.
- Deixar caixas de fósforos e/ou isqueiros ao alcance da crianças é uma imprudência. A atração que o fogo exerce sobre as crianças pode ter conseqüências extremamente danosas
Balões
Você sabia que de acordo com a nova Lei de Crimes Ambientais, Lei Nº 9.065, de fevereiro de 1998, não somente soltar balões agora é "crime", como também fabricar, vender ou transportar. A pena prevista é de detenção de um a três anos ou multa, ou ambas as penas cumulativamente.
Não solte balão. Ele pode causar muitos estragos, por isso é proibido. O balão pode cair aceso em florestas, residências e indústrias, produzindo grandes prejuízos patrimoniais, ameaça ao nosso meio ambiente e até mesmo colocando a integridade física e a vida das pessoas em risco.
A brincadeira de alguns pode ser a tristeza de muitos. Entre os inúmeros contratempos que representam, os balões podem ainda oferecer sérios riscos à aviação, principalmente, às pequenas aeronaves.
A maior causa de queimaduras hoje, no País, é por líquidos superaquecidos (60%) e 30% delas com álcool
Para maior prevenção, foram definidos dez mandamentos básicos para evitar acidentes:
1. tire a criança da cozinha;
2. não a deixe brincar com fogo;
3. mantenha a cozinha arejada
4. muito cuidado com panelas e líquidos superaquecidos;
5. respeite combustíveis, principalmente o álcool;
6. não construa fogueiras grandes;
7. afaste-se de fios elétricos em vias públicas ou no campo;
8. não fume perto de postos de combustível ou na cama;
9. cuidado com velas, candeeiros ou similares;
10. se o fogo pegar na roupa, não corra, pois o ar ativa a expansão da chama. Pare, deite, cubra os olhos e role no chão até apagar;
Em todo o país, arraiais comemoram centenário Luiz Gonzaga: o rei do baião
Seguidas todas as recomendaçoes do Ministério da Saúde, já é possível festejar em paz e com segurança. Este ano, em homenagem ao centenário do nascimento do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, arraiais de todo o país celebram a data. O Acre não foge à regra e traz como atração neste Arraial Cultural o cantor Daniel Gonzaga, filho do compositor Gonzaguinha e neto de Luiz Gonzaga, o Gonzagão.
O show acontece no dia 7 de julho no estacionamento do estádio Arena da Floresta. Local onde será realizado o 14º Arraial Cultural. Quanto ao campeonato de quadrilhas, Cimar dos Santos, Presidente da Liga de Quadrilha em Rio Branco, afirma que o diferencial da competição para 2012, é que cada grupo de apresentará por temas distintos. O Arraial cultural acontece de 2 a 8 de Julho no estacionamento do Estádio Arena da Floresta.

Agnes Cavalcante 

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8857
 

MSN: noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário