quarta-feira, 18 de julho de 2012

Candidato do PMN Leôncio Castro alfineta Bocalon (PSDB) e lembra que a eleição é em Rio Branco e não em Acrelândia

Salomão Matos

O candidato à prefeitura de Rio Branco pelo PMN, Leôncio Castro, criticou na manhã desta quarta-feira (18), o seu opositor Sebastião Bocalom (PSDB), em relação às comparações que o tucano vem fazendo entre administrar Acrelândia e a capital do Acre.
Segundo Leôncio Castro, Bocalom tenta enganar o eleitor ao comparar a administração de Acrelândia, de pouco mais de 13 mil habitantes, com a cidade de Rio Branco, que teria, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais de 300 mil habitantes.
Se referindo a entrevista concedida por Bocalon na noite de ontem á TV Gazeta, Leôncio alfinetou o tucano dizendo que “alguém tem que dizer ao candidato Sebastião Bocalon que a eleição é em Rio Branco e que Acrelândia não pode ser citada como exemplo”.
Castro desafiou Bocalom para um debate que discutiria os problemas reais da capital. , Nesta oportunidade apresentaríamos propostas reais para resolvê-los. “Plantar feijão e arroz não vai resolver nossos males” , enfatiza Leôncio Castro.
Leôncio Castro é o segundo candidato na corrida pela prefeitura a ser o entrevistado pelo repetidora da Rede Record e que vai ao ar as 21h, de hoje.

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8857
 

MSN: noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário