segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Morre ex-diretor do Colégio Acreano Raimundo Louro

Loro
Raimundo Louro dedicou quase 50 anos à educação (Foto: Arquivos)
Um dos grandes professores da rede de ensino acreana, Raimundo Gomes de Oliveira, conhecido como Raimundo Louro, morreu neste final de semana. Raimundo Louro sofria de Alzheimer.

Ele dirigiu o Colégio Acreano por 33 anos, no período de 1966 a 1999. O Governo do Estado do Acre decretou luto oficial de três dias pela morte do educador, natural de Capanema, cidade do Pará.

Durante todos esses anos, Raimundo Louro teve alunos conhecidos como o jornalista Armando Nogueira, o governador Tião Viana e seu irmão, o senador Jorge Viana; o desembargador Arquilau de Castro Melo e vários outros que hoje ocupam altos cargos no Estado.

Raimundo nasceu em 24 de maio de 1924, morou em Sena Madureira, onde passou boa parte de sua infância. Filho de José Vicente de Oliveira e de Vandira Gomes de Oliveira, desde criança, já demonstrava aptidão para os estudos e para a vida escolar.

O professor iniciou sua carreira no ensino na década de 1950, ainda no Governo de Guiomard dos Santos, e se estendeu até o ano de 1999, passando pelas escolas: Lourenço Filho, Escola Técnica de Comércio Acreano, Ginásio Nossa Senhora das Dores, Colégio Acreano, Instituto Divina Providência (em Xapuri, de 1955 a 1958), tornando-se diretor do grupo Escolar João Ribeiro (Tarauacá, entre 1959 e 1963).

Em 1965, assumiu o cargo de vice-diretor do Colégio Acreano, para no ano seguinte, assumir a função de diretor da instituição, função esta que o notabilizou como um dos maiores educadores acreanos. Durante sua direção, o Colégio Acreano se transformou em uma das principais instituições de ensino do Acre e da Região Norte.

Raimundo Louro também participou da fundação da Casa do Estudante Acreano, tornando-se o primeiro presidente da instituição, permanecendo na direção da Casa de 1951 a 1954.

O velório ocorreu na Capela São João Batista e o sepultamento na tarde deste domingo, 5.

Alex Lima - Contatos: noticiaefatos@gmail.com
Twitter:@noticiaefatos
Cel: 9977-6454/9234-0590/8422-8857

MSN: noticiaefatos@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário