segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Diretoria do Rio Branco deve renunciar nesta segunda


COTA-PAIVAUma renúncia coletiva da diretoria. Essa é a expectativa nos bastidores do Rio Branco para hoje.

O presidente do clube, Bruno Cota Paiva, recupera-se de um problema de saúde em São Paulo e não deve retornar à capital acreana antes do fim de 2012. A família do dirigente também quer a sua saída do comando do Estrelão.

O vice-presidente, Adem Araújo, tem uma carta de renúncia pronta desde a última sexta-feira, dia 12, e deve oficializar a entrega nesta segunda.

Tornar profissional

Bruno Paiva e Adem Araújo assumiram o Rio Branco com o discurso de tornar o clube “mais profissional”, mas a goleada sofrida para o Cruzeiro, de Minas Gerais, na Copa do Brasil começou a abalar o trabalho no clube.

68 mil para Macuglia

A passagem do técnico Guilherme Macuglia pelo Rio Branco rendeu R$ 152 mil “pelos trabalhos realizados”, no clube. Na última semana, o treinador enviou uma cobrança, em documento do Rio Grande do Sul (sem nenhum recolhimento no Acre), ao Rio Branco no valor de R$ 68 mil e, mesmo sem autorização do secretário de finanças do clube, o pagamento foi realizado.

Rescisão Radames

No início da temporada, o atacante Radames fechou um contrato com Rio Branco até 2015 com multa rescisória muito alta.

Os representantes do atleta alegaram o desejo do jogador não atuar mais pelo clube e, desta maneira, a rescisão foi feita sem nenhum ressarcimento ao Rio Branco.

Por Paulo Henrique Nascimento, do Futebol do Norte - Foto: A Tribuna

Nenhum comentário:

Postar um comentário