sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Em Mâncio Lima, mulher mata o filho sufocado após fazer o parto sozinha


O caso chocou a população de Mâncio Lima. Ticiane Silva de Araújo, 28 anos, escondeu por 9 meses uma gravidez que teve fim trágico. Ontem (25), por volta da meia-noite, a jovem decidiu ter o filho sozinha, e em seguida sufocou o recém-nascido com uma compressa.
O crime foi descoberto no dia seguinte quando a jovem deu entrada no Hospital Abel Pinheiro em Mâncio Lima, alegando estar com diarreia e alegando que há um ano não menstruava.
Devido ao sangramento, a médica plantonista a encaminhou a maternidade de Cruzeiro do Sul, onde os médicos constataram que a placenta ainda estava no útero da mãe. Foi quando Ticiane confessou que tinha matado a criança, em seguida, teria enrolado em uma sacola e a colocado no guarda-roupa.
O médico ainda direcionou um técnico de saúde até a casa da família na esperança de encontrar a criança com vida. Ao chegar, o profissional encontrou a criança, conforme no local indicado. A própria mãe fez o parto as escondidas de familiares, e em seguida asfixiou a criança até a morte com uma compressa.
O Delegado de Polícia de Mancio Lima, Roberto de Oliveira está investigando o caso. Segundo informações, a mulher estava separada e apresentava problemas mentais.
Texto e Foto de Josemir Melo, de Mâncio Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário