segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Acreana estudante morre na Bolívia e familiares buscam ajuda para trazer corpo

Campanha social pede ajuda para translado de corpo da jovem de 24 anos
itala_cochabamba
Itala é natural de Cruzeiro do Sul, no Acre e estudava medicina em Cochabamba, na Bolívia - Foto: Facebook pessoal
Familiares e amigos da jovem estudante de medicina, Ítala Matos, acreana de 24 anos, natural de Cruzeiro do Sul (Acre), teve seu sonho interrompido na cidade de Cochabamba, região central da Bolívia onde estudava medicina, pedem ajuda.
Segundo informações na rede social, estão divulgando que a jovem pode ter morrido de um infarto fulminante. Agora, estariam tentando angariar valores de $ 3000 mil dólares americanos, pouco mais de R$ 6000 mil reais, para trazer o corpo ao Brasil.
Amigos estariam tentando buscar mais informações para esclarecer melhor a causa da morte da jovem na cidade de Cochabamba, onde está o corpo da ex-estudante. Através do Facebook, existe um contato um pessoa chamado Ramon Barros, que pede ajuda.

AltoAcre
captura_tela_trabalhada_itala
ajuda_a_itala

Nenhum comentário:

Postar um comentário