quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Padre protesta após receber três multas de radares; “Quem ganha com tudo isso?”, pergunta

Após receber três multas por excesso de velocidade no mesmo dia, o padre Mássimo Lombardi, reitor da Catedral Nossa Senhora de Nazaré, em Rio Branco, resolveu utilizar sua conta no Facebook, nesta quarta-feira (21) para protestar contra os radares nas vias da capital.
Na postagem, o sacerdote reclama que estaria sendo 'perseguido' pelos radares. Alegando estar apenas 5km/h acima da  velocidade permitida, ele questiona quem estaria se beneficiando com as multas
"Radar implicando comigo. Por causa de poucos km a mais de velocidade. Quem ganha com tudo isso? Será que uma velocidade de 45km por hora pode ser considerada uma infração? Radares enjoados assim nunca mais", disse.
Procurado pelo G1, o padre criticou a velocidade estabelecida pelos radares em Rio Branco, de 40 km/h. "Em todas as cidades do mundo o mínimo é 50km/h. Esses radares são configurados como armadilhas para os coitados dos motoristas", salienta.
Padre Mássimo Lombardi reclama de radares em rede social (Foto: Reprodução Facebook)
Padre desabafou em sua conta no Facebook (Foto: Reprodução Facebook)
O padre contou ainda que essa não é a primeira vez que é multado. "Sou acostumado, todos os anos pego multas. É uma velocidade muito pequena que eles impõe", conclui.
As informações são do G1 AC, por Yuri Marcel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário