quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Educação de 1º mundo: Mais uma jovem é esfaqueada dentro de sala de aula por aluna em Rio Branco

imageUma jovem foi esfaqueada por uma estudante durante uma briga dentro da sala de aula, na escola estadual Lindaura Martins Leitão, em Rio Branco, na noite de terça-feira (25). O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a Polícia Militar foram acionados. A vítima foi encaminhada para o Hospital de Urgência e Emergência (Huerb) e a agressora à delegacia para prestar esclarecimentos.
A briga das duas jovens teria iniciado fora da escola, dias antes. O motivo não foi revelado. Mesmo sem ser aluna, a vítima entrou na instituição de ensino sem uniforme e armada com uma faca, apenas com o objetivo de 'acertar contas' com a estudante do ensino médio, mas antes que conseguisse, acabou sendo ferida na barriga pela agressora, que também entrou com arma branca no colégio.
De acordo com o diretor da escola Lindaura Martins Leitão, Antônio Reis, novas medidas de segurança serão tomadas a partir de agora. "Vamos intensificar a fiscalização na entrada dos alunos, para evitar que entrem com qualquer tipo de armas. Somente os que estiverem fardados entrarão", garante.
Segundo Rita Paro, da Secretaria  Estadual de Educação do Acre, em todo o estado tem sido realizado um trabalho de conscientização envolvendo parceiros, como o Policiamento Escolar, o Ministério Público e o Conselho Tutelar. "O Policiamento Escolar está presente na escola fazendo palestras de prevenção a violência. Mas precisamos da ajuda da família que deve estar presente neste trabalho", afirma.
Para Rita, não é necessário o pânico. "Nas redes sociais está sendo colocado como se a situação de violência estivesse fora do controle, e não está. As escolas estão perfeitamente assistidas e os diretores sabem que têm a quem recorrer em situações como esta", diz.
Rayssa Natani. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário