segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Líderes partidários criam “terceira via” em Cruzeiro do Sul

imageLíderes partidários e personalidades criaram uma nova força política em Cruzeiro de Sul.
Formada pelo PRB, PSC, DEM, PSDC, PV e PSOL a frente quer lançar uma chapa alternativa para concorrer à prefeitura, caso a extinção do mandato do prefeito Vagner Sales (PMDB) se confirme. Todos os partidos do bloco são dissidentes da Frente Popular do Acre e oposição.
“O povo precisa de algo novo. A oposição e a Frente Popular não foram capazes, em todos esses anos, de suprir esses anseios’’, analisa o presidente do PSDC, Márcio Venício, acrescentando que o coletivo pretende dialogar como as comunidades e formular uma proposta política para o município.
Quanto à escolha da chapa (prefeito e vice), os dirigentes asseguram ela acontecerá “naturalmente”, posto que cada uma das seis legendas apresentará nomes. Para o presidente do PV, Romisson Moura, é preciso criar uma nova cultura política e resgatar princípios e valores que norteiam os homens públicos. “Estamos vivenciando uma crise de represente da classe política e, infelizmente, de algumas instituições”, declarou ele.
A eleição suplementar se dará por causa da provável extinção do mandato de Vagner Sales, decisão que foi proferida pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O alcaide também foi condenado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) por conduta vedada (crime eleitoral), sentença que o impede, assim como o seu vice, Mazinho Santiago, de permanecer no cargo.
Com informações do JuruaOnLine, por Jorge Natal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário