terça-feira, 3 de setembro de 2013

Quase cem médicos brasileiros formados no exterior já se cadastraram para ingressar no programa “Mais Médicos”

imageO clínico geral Valdeci Honorato, 36, é formado em medicina na Bolívia. Ele foi um dos primeiros a efetivar o cadastro estadual de médicos brasileiros formados em outros países.
No primeiro dia de cadastramento, 98 médicos entregaram documentação. “É a única oportunidade de trabalhar legalmente, sem CRM, e conseguir dinheiro para fazer a complementação do curso”, afirmou Honorato.
Os médicos que desejarem realizar a inscrição, deverão se dirigir à Biblioteca Pública de Rio Branco, até a próxima quinta-feira, 5, com cópias de RG, CPF, comprovante de endereço e diploma. Os horários de atendimento são das 9 às 12 horas e das 14 às17 horas.
Aqueles que não estiverem no estado poderão enviar os documentos por meio de outras pessoas, como parentes e amigos, mas é necessário que o representante leve uma procuração registrada em cartório.
O cadastro tem como objetivo identificar os médicos brasileiros formados em outros países que desejam fazer parte do programa Mais Médicos e trabalhar no Acre. “Essa também é uma oportunidade de trabalhar em locais em que não há médicos para atender a população”, ressaltou Honorato.
As informações e imagem são da Assessoria Sesacre, por Álefe Souza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário