quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Após furar barreiras policiais, taxista é detido pela PRF e presta contas com a Justiça

imageO taxista da cidade de Assis Brasil, localizada na fronteira com o Peru, se apresentou durante o dia desta terça-feira, dia 22, na delegacia da cidade de Epitaciolândia para ser ouvido pelo delegado e se explicar sobre infrações praticadas pelo mesmo.
Segundo foi apurado, Thiago Araújo Lopes (25), vinha sendo procurado pela Polícia rodoviária Federal – PRF, após não obedecer uma ordem de parada numa blitz realizada na BR 317, sentido Epitaciolândia/Rio Branco. O mesmo se evadiu do local em alta velocidade.
Também foi levantado que Thiago já havia sido detido pelo mesmo delito, após não obedecer a ordem de parada numa outra blitz promovida na ponte que liga o Acre ao Peru pelo Exercito Brasileiro meses atrás. No dia, passou para o lado peruano em seu veículo VW/Voyage, placa NAG 6069, e voltou de carona sendo detido e encaminhado à delegacia da PF, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado.
Thiago foi enquadrado no Artigo 330 do Código Penal (Desobediência), liberado para responder em liberdade. Passado esse caso, a menos de uma semana atrás, o taxista retornou a praticar o mesmo delito, mas foi detido em outra blitz na BR 317 quando retornava da Capital com o carro reformado e encaminhado para a delegacia de Epitaciolândia.
Após ser liberado, Thiago foi novamente enquadrado no mesmo Artigo e deverá se apresentar ao Juiz da Comarca. Já que é reincidente, poderá pagar penas alternativas e até mesmo perder sua habilitação e/ou licença como taxista.
As informações e imagens são do Oaltoacre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário