terça-feira, 29 de outubro de 2013

Frieza: Jovem confessa ter matado homem a facada e ri durante depoimento em delegacia

imageA Polícia Civil prendeu nesta segunda-feira (28), Valdeli Segarra de Oliveira, de 25 anos, suspeito de ter matado com uma facada nas costas José Francisco, de 19 anos, durante uma festa em uma comunidade rural de Cruzeiro do Sul (AC), na madrugada de domingo (27). Entre risos, o rapaz confessou o crime na delegacia e disse que matou depois que a vítima jogou bebida em seu rosto.
“Ele queria ser o machão, toda festa que tinha na comunidade ele era acostumado a brigar. Eu estava de boa com minha namorada e ele me pediu um copo da bebida. Após eu serví-lo, ele jogou a bebida no meu rosto. Na cara de homem ninguém bate nem joga nada”, disse o acusado.
Sem se mostrar preocupado, Valdeli afirma que agora terá que pagar pelo crime que cometeu. “Já cometi o crime, não tem como voltar atrás, agora vou pagar pelo que fiz”, ressalta o jovem em tom de deboche.
O delegado Luiz Tonini, que está à frente do caso, explicou que o rapaz se entregou na manhã desta segunda feira (28), depois que as polícias Civil e Militar montaram um cerco na tentativa de capturá-lo.
Segundo o delegado, a polícia já havia recebido várias denúncias de moradores da comunidade onde o crime ocorreu e disse que ele era violento e costumava causar problemas no local.
“A polícia já tinha conhecimento do histórico de violência desse rapaz, o problema é que nas comunidades rurais é difícil a polícia chegar por causa da distância. Quando chega, essas pessoas que causam problema se evadem na mata dificultando o trabalho policial”, explicou Tonini.
O jovem será indiciado pelo crime de homicídio qualificado. Após ser ouvido, ele foi encaminhado ao presídio Manoel Neri da Silva, onde vai ficar à disposição da justiça.
Francisco Rocha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário